Desejos: Tênis
#AmandoJorge Cacau
Home office preto e branco

Desejos: Tênis

#AmandoJorge Cacau

Home office preto e branco

Desejos: Tênis

Nos últimos meses estou alok do tênis. Acho prático, confortável, e já tem um tempo que há diversos modelos bonitos, ou seja, podemos ousar e diferenciar no look com eles. Comecei essa vibe observando os looks da Carla Lemos, do Modices, e as Irmãs Alcântara, do Tudo Orna.

Todo dia um modelo novo me encanta. Quero todos para usar com vestidos, legging e calça skinny.

fotos_blog_tudo_orna

#AmandoJorge Cacau

Cacau é o segundo livro escrito por Jorge Amado no auge dos seus 20 anos. E marca o início das obras sobre a zona cacaueira do Sul da Bahia. Talvez o livro mais conhecido sobre o cacau e os coronéis da Bahia seja Gabriela, cravo e canela mas tudo começou com a história do sergipano José Cordeiro, entre o final da década de 1920 e o início da década de 1930.

Home office preto e branco

Depois de toda ansiedade da reforma de uma casa ou apartamento e da mudança, vem a parte boa: a decoração dos ambientes.

Para quem mora em apartamento pequeno e deseja fazer móveis planejados, o processo de decoração já começa na escolha do material para os móveis. Aqui, no #ap708s, optamos por móveis na cor branca com pequenos riscados cinza e puxadores metálicos para o home office, além da tinta branco gelo nas paredes. Eu gosto de ter uma base neutra para poder brincar com itens decorativos, adesivo, papel de parede. Ou deixar tudo clean mesmo.

Rolé em Salvador #1

Durante dois anos, para chegar no trabalho, eu passava por locais cheios de história sobre a primeira capital do Brasil, Salvador. O centro histórico e a cidade baixa respiram memória e cada canto tem algo para nos dizer. Todo dia era um sufoco para chegar no serviço mas como boa aprendiz do eterno poeta Manoel de Barros e do escritor Jorge Amado, eu aprendi a transver tudo e apreciar essa beleza histórica da cidade da Baía de Todos-os-Santos.

Séries policiais para ver na Netflix

Um crime misterioso e um detetive – geralmente bastam esses elementos para termos uma narrativa policial. Mas o universo policial é tão vasto que de uma simples fórmula nasceram diversas produções. Sherlock Holmes, criação de Arthur Conan Doyle e o mais famoso detetive da literatura, já ganhou diversos rostos, séries, filmes. E foi inspiração até para um médico excêntrico, o Dr. House.

Livros de abril/2016 + o que quero ler em maio

Hora daquele resumo literário bacana do mês de abril.

Vou comentar sobre os livros lidos, os livros novos e tem também as minhas pretensões de leitura para maio – e essa sem dúvidas vai ser a parte mais cara de pau do vídeo.

Comecei abril lendo ficção científica. Li o Eu sou a lenda, do Richard Matheson. Recebi o livro através da parceria com a editora Aleph. Edição maravilhosa! Adorei muito a leitura e indico para quem quer se aventurar no mundo da ficção científica.

Aperta o play para saber e tudo e depois me conta quais foram os seus livros de abril e quais os projetos literários para maio! 😉

Navigate