Sessão Feminista #1
O que não existe mais – Krishna Monteiro
Mansfield Project – Produtividade

Sessão Feminista #1

Desde que me envolvi com o projeto Leia Mulheres, me declarei feminista. Sempre tive alguns comportamentos e ideias que não eram vistos como “coisa de mulher”. Então ouvia e aceitava aquelas falas  “parece um homem”, “bebe como homem”, “sente como uma moça”, etc.  Agora sei que não são coisas de homem. São as minhas coisas. O meu jeitinho de ser mulher. E que ó, está tudo bem. Tenho o direito de ser do jeito que quiser, de fazer minhas escolhas e de viver com elas. Milhares de mulheres lutaram e ainda lutam para que nós sejamos donas dos nossos corpos e das nossas vidas. 

O que não existe mais – Krishna Monteiro

O que não existe mais é a estreia na literatura do cônsul adjunto do Brasil em Londres, Krishna Monteiro, publicado pela editora Tordesilhas. O livro reúne sete contos e alguns me passaram a impressão de serem experiências de vida do autor ou de pessoas do seu convívio. São eles: O que não existe mais; As encruzilhadas do doutor Rosa; Quando dormires, cantarei; Um âmbito cerrado como um sonho; Monte Castelo; O sudário; e Alma em corpo atravessada.

Tá todo mundo mal – O livro das crises

Uma das mais famosas YouTubers do Brasil, Julia Tolezano, mais conhecida com Jout Jout, lançou um livro. E eu não tenho problema nenhum com livros de YouTubers ainda mais se for de uma das minhas pessoas favoritas no mundo.
O título é bem bacana: Tá todo mundo mal – o livro das crises. E é sobre crises mesmo que Jout Jout vai falar tanto que a maioria ou quase todas suas crônicas, acho que posso classificar seus textos assim, começam com A CRISE DE…
E eu listei 10 crises da Jout Jout que também fazem parte da minha vida. Clica no plaY do vídeo acima para saber quais são e conhecer um pouco mais do livro. 😀

Mansfield Project – Produtividade

No início de 2016, eu listei tudo o que gostaria de realizar durante o ano e lá coloquei desde finalizar o processo do meu aparelho ortodôntico, acreditar mais no meu potencial, até me organizar mais na vida no geral. Bem, estamos no meio de 2016 e eu já abandonei o planner que fiz a lista de desejos. Creia!

Mas eu sou persistente e um tanto realista. Sei que preciso me organizar para ser produtiva e alcançar meus objetivos. E muitas vezes basta uma ideia simples para conseguirmos conquistar as metas. E aqui estou, firme e forte, iniciando um projeto de produtividade que vi no blog Cheirando Livros, da maravilhosa (e super organizada) Rita Zerbinatti.

Entretenimento para aquecer o coração

Às vezes preciso de uma leitura simples. Algo que não me tire o pouco de energia que resta após uma semana de trabalho+tretas da vida+Brasil. Um livro para ser lido enrolada nas cobertas tomando um café. Uma história que me deixe com um sorriso no canto da boca e a certeza de que, pelo menos naquelas páginas, tudo vai dar certo. Essa minha necessidade de entretenimento afago no coração não fica apenas na literatura, mas também no cinema com os filmes de comédia romântica e dramédia, e na música com aquela MPB maravilhosa no maior estilo “melhores da tarde” do rádio.

Navigate